quarta-feira, 6 de março de 2013

I Love You To The Moon And Back - Capítulo 27


                                                  Capítulo 27

Demi acordou com o sol em seu rosto, se revirou na cama tentando encontrar alguma posição melhor mas estava quente demais para continuar deitada, se levantou ainda com preguiça e encontrou Joe sentado olhando pra ela.
-Bom dia – disse preguiçosa – por que você não me acordou?
-Porque eu sabia que o sol faria isso por mim – riu.
-Não, era pra você falar “é que você fica linda dormindo, amor” – debochou – vamos de novo, por que…
-Deixa de ser chata, Demi – ele riu e se jogou ao lado dela – você ta sempre linda, sempre.
-Eu sei – sorriu convencida dando um selinho nele – vou tomar banho, hoje você fica aqui descansando, eu vou passar o dia com o Ron na clinica.
-Nada disso – ele a segurou delicadamente pela cintura.
-Foi o que combinamos, Joe – ela disse confusa.
-Eu sei, Demi, mas, olha – ele a segurou pela mão entrelaçando seus dedos – quando você não está na clinica, está cuidando da sua carreira, shows, entrevistas, ensaios fotográficos – suspirou – faz ideia de quanto tempo você não tem um minutinho pra você?
-Joe, eu…
-Calma, deixa eu terminar – ele fez um carinho na mão dela – sei lá, fazer compras, ir no salão, essas coisas que mulher gosta, você está a séculos sem sair com a Selena, a Miley veio pra cá e vocês não tiveram nem um segundo juntas, eu sei que isso é uma necessidade pra você, e eu vou me sentir como se estivesse te prendendo.
-Você não está – respondeu Demi de imediato.
-Eu sei que não, eu sei que você faz isso porque nos ama – ele disse cauteloso – mas acho que ta na hora de você se amar um pouquinho também, não acha?
-Você não vai me dar escolha, né? – ela afirmou.
-Não – riu – hoje eu quero que você ligue pra Selena, combine com a Miley ou com mais quem você quiser, e saia, se divirta, seja feliz – ele deu um selinho rápido nela – eu recrutei o Nick e a Eleanor para ficar na clinica comigo e com o Ron, vai ficar tudo bem, se desliga um pouco, por mim – ele fez uma carinha meiga e ela riu.
-Ok, Joseph – Demi riu de leve – vou agitar as coisas com as meninas, a gente se vê de tarde?!
Joe concordou com a cabeça e ela levantou pra se arrumar, saiu com Miley na hora do almoço, encontraria Selena em um restaurante e as três passariam a tarde juntas, depois de comerem foram ao shopping.
-MEU-DEUS – Selena abriu a boca encantada – eu preciso daquele vestido.
-Olha aquele sapato – Miley completou puxando Selena pelo braço e apontando para a vitrine do lado.
-Droga de sinal – Demi resmungou.
-Demetria, para de tentar falar com o Joseph.
-Não enche, Gomez.
-Sério, Demi, a Selena tem razão – Miley se intrometeu – a gente ta aqui pra se divertir, isso não é nenhum pecado e você prometeu que iria se desligar.
-Mas é que…
-Vou ter que tomar seu celular? – Selena perguntou brava e Demi bufou – ótimo.
-Mas eu não quero nenhum vestido e nem sapato, nem nada, não to no pique pra compras.
-Eu sei uma coisa que você pode comprar – Miley riu divertida olhando para uma loja atrás de Demi que se virou para ver do que se tratava.
-Nem pensa nisso – completou.
-Por que, Demi? – Selena riu – eu acho uma ótima ideia.
-Eu não vou entrar lá – se apressou em dizer.
-Demi, é uma loja como outra qualquer – Miley sorria.
-Não, não é não – Demi negou com a cabeça – eu tenho fãs que são crianças.
-Ninguém precisa saber o que você comprou – Selena disse.
-Claro, vão achar que eu entrei em um sex shop pra comprar ursinhos de pelúcia – ironizou.
-Vai que tem, né – Miley disse e as duas a encararam – o que, gente? Hoje em dia existe de tudo nessa área, uma vez eu comprei um…
-CALA A BOCA, CYRUS – Demi interrompeu assustada.
-Eu só queria compartilhar minha experiência – riu sozinha – e eu acho super justo depois de ter uma tarde divertida com as suas lindas amigas, você dar diversão ao seu marido.
-Noivo.
-Tanto faz – Selena e Miley disseram juntas.
-Todo mundo sabe que o Joe ta hospedado na sua casa – Selena emendou – e nem vem pagar de santa que você já me ligou umas duas ou três vezes achando que estava grávida.
-Selena Marie Gomez, você tirou o dia, né? – Demi se irritou.
-Pra te amar, amiga linda, tirei o dia para te amar – disse mexendo no cabelo – tive uma ideia – encarou a mecha em sua mão – eu e você vamos para o salão e a Miley Safada Cyrus que entende dessas coisas vai para a loja e compra algumas coisinhas para a sua noite hoje.
-Aham, você não entende de nada – Miley riu – eu acho uma ótima ideia, encontro vocês daqui a pouco.
-Eu não quero… – Demi tentou dizer mas Selena a puxou pelo braço enquanto cantarolou um “tchauzinho” para Miley que riu animada enquanto entrava na loja.
Elas entraram no elevador e foram para o último andar onde tinha um salão incrível que Selena adorava, entraram e logo conseguiram uma vaguinha, Demi não gostava muito disso, era apenas dizer seu nome que as portas se abriam.
-Eu não acredito que vocês estão fazendo isso – bufou – não preciso de ajuda com a minha vida sexual.
-Aham – Selena disse distraída encarando as revistas escolhendo o que faria em seu cabelo.
-Sério, isso foi longe demais, esse tipo de coisa não se ajuda.
-Uhum.
-Selena, presta a atenção em mim – Demi bufou irritada e Selena ergueu os olhos para encara-la – eu não quero…
-Eu sei o que você não quer, Demetria, que coisa chata – ela quem bufou dessa vez – fica quieta, se você não agradecer, ou melhor, se o Joseph não agradecer, você pode fazer o que quiser comigo e com a Miley.
-O que eu quiser? – ela riu – tentador.
-É, e tira esse sorriso assustador da cara – Selena disse jogando uma revista na amiga – Jogos Mortais – elas riram juntas.
-E então, o que vai ser? – uma mulher simpática perguntou.
-Eu quero só uma escova – Selena disse – e ela vai ficar morena.
-OI?
-Essa cor aqui – apontou no mostruário de cores.
-Selena – Demi tentou se defender.
-Amiga, imagina que incrível você morena pra essa noite – riu – tipo a Xena.
-Xena? – Demi gargalhou – você só pode estar bêbada.
-Vamos, você vai ficar linda – Selena riu junto com ela e elas entraram para fazer o cabelo.
Depois de algumas horas elas estavam prontas e haviam adorado o resultado, terminaram de pagar e saíram a procura de Miley.
-Tenho até medo de saber o que ela ta comprando durante todo esse tempo – Selena comentou e Demi estremeceu.
-Avisa ela que nós vamos esperar no carro – disse – não quero ser vista nem com sacolas dessa loja.
Selena revirou os olhos e mandou uma mensagem pra Miley, assim que saíram vários paparazzi invadiram o estacionamento enchendo as duas de perguntas, sempre as mesmas, como estava o namoro, no caso de Selena, o quase casamento, sobre Ronan, sobre os próximos CD’s e etc, com um pouco de dificuldade elas entraram no carro.
-Ufa – Selena respirou fundo aliviada – as vezes isso me faz querer desistir.
-Exatamente – Demi riu sem humor tirando o sapato alto e massageando os pés – manda outra mensagem apressando a Miley.
-Ta louca pela noite de hoje, né, Demi – implicou.
-Cara, eu devia ganhar um prêmio por te aguentar – riu – eu to cansada, só isso.
Selena mandou um beijo pra ela provocando e pegou o celular da bolsa, enquanto digitava sentiu Demi encostando em seu ombro, ergueu a cabeça e viu Miley conversando com os paparazzi.
-Ah, não – soltou Selena rindo da cena.
-BEIJOS, FÃS – Miley gritou enquanto corria para o carro – ah, eles são legais – se sentou no banco de trás e encontrou as duas encarando-a – o que?
-Eles não…
-Eu guardei as bolsas dentro das outras – Miley se apressou em explicar – relaxa, não sou tão louca assim.
-Você deu cupcake para eles – Selena disse – eles são inimigos – riu.
-Acho que vocês são injustas com eles – explicou pondo as bolsas ao seu lado – eles são legais, é só você dar atenção que esquecem as perguntas chatas e começam a te fotografar.
Demi soltou um riso bobo e revirou os olhos, Miley era assim, conquistava todo mundo sem fazer muito esforço, seu jeito espontâneo e engraçado cativava com facilidade.
Chegaram em casa e assistiram um filme e devoraram vários doces até que no final da tarde as meninas obrigaram Demi a se arrumar, ela torcia o nariz pras coisas que Miley tirava da sacola, aquilo lhe parecia um tanto assustador, mas mesmo assim, sabia que poderia descontar nas duas depois, então deixou com que fizessem o que fosse preciso, no final de tudo, vestia um roupão que escondia uma fantasia super sexy que escolheram por votação já que havia mais umas cinco tão provocantes quanto aquela.
-Pronto – Selena disse sorrindo.
-Acho que até eu te pego agora – Miley riu.
-Idiota – Demi bufou corada.
-Só falta ele broxar hoje – Selena disse e elas gargalharam.
-Ele não tem esse problema – Demi mordeu os lábios instintivamente.
-Hm, ok – Miley provocou – beijo pra você e não precisa agradecer, ok? Ok.
-Beijos, meninas – Demi abraçou cada uma – obrigada – disse – pela tarde – completou antes que elas zoassem – foi tudo incrível.
-A gente merece isso – Selena disse – vamos fazer mais vezes.
-Com certeza – Miley completou e elas ouviram o barulho do portão – hora da festa – disse rindo – beijos, amiga, amanhã a gente se fala.
Demi sorriu simpática e acompanhou as meninas até a porta, ficando pela sala mesmo esperando Joe entrar.
-Ei, alguém? – ele perguntou entrando e pondo as chaves na mesinha – Demi?
-To aqui – ela respondeu e ele seguiu a voz dela encontrando-a no sofá.
-UOU – soltou involuntariamente – seu cabelo.
-Não gostou? – perguntou triste.
-Eu amei – ele sorriu – tá muito linda – fez uma pausa – meu Deus, Demi, você tá perfeita.
-Obrigada – ela se aproximou dele beijando-o apaixonadamente.
-O que que te deu? – ele perguntou ofegante, se afastando a procura de ar.
-Nada, por que?
-Sei lá, esse fogo todo – ele riu passando a mão pela cintura dela.
-Ta reclamando, é?
-De jeito nenhum – ele disse e ela se aproximou dele  sussurrando:
– Você ainda não viu nada – o pegou pela mão e o guiou até o quarto, como havia prometido as meninas, aquela noite seria inesquecível, e seria deles, e isso era tudo que importava.

 Só mais três capítulos :((( Comentários ? xx