sábado, 24 de novembro de 2012

Everything Has Changed - Capítulo 34


Capítulo 34

-Droga, Demi, atende – Miley resmungava enquanto avançava um sinal vermelho, depois de várias tentativas ela finalmente ouviu soluços do outro lado da linha – DEMI – ela gritou e Demi respondeu um “oi” baixo – fica calma, eu to indo te encontrar, onde você tá?
-Em uma pracinha duas quadras depois da casa dos Jonas – ela finalmente conseguiu dizer entre os soluços.
Miley desligou o telefone e correu pra lá, Demi se sentou no mesmo lugar em que ela e Alex comeram pizza, ela abraçou os joelhos e se escondeu entre eles, Demi tinha a péssima mania de esconder as lágrimas, odiava chorar na frente dos outros, mas ali ela deixavam com que as gotas rolassem livre pelo seu rosto.
Nem percebeu que já estava há bastante tempo ali quando sentiu alguém se sentando ao seu lado, ela levantou calmamente o rosto que estava vermelho e inchado, Miley nada disse, apenas abriu os braços e Demi se jogou no colo da amiga.
-Ele me traiu, Miley – Demi disse depois de um longo silencio, Miley apenas fazia carinho na amiga – ele foi visto aos beijos com a Camilla Belle – Miley trincou a mandíbula – e nem fez questão de esconder nada – Demi fitava o vazio – as fotos estão em todos os sites, todo mundo está falando disso, como eu pude ser tão idiota?
-Você não foi idiota – Miley disse, sua voz estava carregada de raiva – ele é um idiota, sempre foi, mas eu não entendo, ele te ama, Demi, eu tenho certeza disso.
-Não ama, Miley – Demi riu sem humor – quem ama não faz isso.
-Ele deve ter alguma explicação – Miley estava com raiva, mas ela conhecia Joseph, ele amava Demi.
-Isso não importa mais – Demi lamentou finalmente parando de chorar um pouco.
-Como assim? – Miley perguntou confusa e Demi se sentou para encara-la.
-Eu to voltando para o Brasil semana que vem – ela disse triste.
-Demi – Miley sussurrou e pulou para abraça-la – eu acho que me apeguei demais a você – ela disse – mas eu sei que você precisa desse tempo e alguma coisa me diz que você vai voltar – ela se levantou – e se não voltar, eu te busco pelos cabelos.
-Se for pra te visitar – Demi sorriu e fez um carinho em Miley – eu volto.
Elas ficaram conversando por um tempo, Miley fazia palhaçadas e contava histórias engraçadas pra Demi sorrir e esquecer Joe, assim que Miley parou em frente ao portão dos Jonas ela quis entrar pra capar Joe mas Demi conseguiu conte-la, elas se despediram e marcaram uma ultima festa do pijama.
-Ei – Nick disse assim que ouviu a porta do quarto de Demi se abrindo – tá melhor?
-Que susto, Nicholas – Demi disse com um fraco sorriso, ela ainda tinha os olhos inchados e vermelhos – bem, digamos que a Miley sabe fazer alguém se sentir melhor – eles sorriram – foi você que ligou pra ela, né?! – Nick fez que sim com a cabeça – obrigada – Demi sorriu leve e eles se abraçaram.
-Bem – Nick disse desfazendo o abraço – não sei se a Senhorita reparou mas já á tarde e eu preparei algo pra gente, tipo uma despedida – Demi torceu o nariz, ela precisava ir, mas precisava admitir, ficar sem Nick seria muito difícil – com certeza minha mãe vai querer fazer um jantar um pouco mais oficial – a ideia fez Demi estremecer, a ultima coisa que ela queria era ver Joe, mas não iria pensar nisso agora – mas eu queria um tempinho com a minha amiga, posso?
-Claro que pode – Demi disse – só me dá um tempinho pra tomar banho e dar um jeito nesse rosto inchado – eles riram – onde a gente vai?
-Como você não pode ser vista comigo – ele fez um biquinho – me encontra no jardim – eles riram e Demi foi para o banho.
Como não estava frio Demi colocou um vestidinho leve, secou o cabelo e deixou solto, pegou o violão e saiu do quarto pedindo mentalmente a Deus pra não encontrar Joe. Respirou fundo ao chegar no jardim sem vê-lo, logo sorriu ao ver o que Nick havia preparado.
Havia uma toalha quadriculada no gramado, velas iluminavam em volta, algumas luzes estavam acesa na piscina, em cima da toalha estava a comida, quer dizer, não era um banquete, tinha algumas pizzas, suco e morangos com chocolate, tudo bem simples, mas lindo.
-Nossa – Demi disse boquiaberta – tá perfeito.
-É, eu também achei – Nick se gabou do trabalho.
-Você fez isso sozinho? – Demi perguntou enquanto colocava o violão no chão se sentando na toalha logo em seguida.
-Mais ou menos – ele explicou – eu tive a ideia e a Sara me ajudou, sabe que eu não sou nem um pouco delicado pra isso – eles riram.
-Tá perfeito – Demi levantou o olhar com um sorriso no rosto – obrigada.
Nick apenas sorriu e eles atacaram a comida, eles riam e conversavam animadamente, as vezes tocavam violão e cantavam juntos. Depois de várias horas ali Nick se lembrou de uma coisa.
-Demi, eu tenho uma surpresa pra você – ele disse.
-Outra? – ela perguntou sorrindo mais ainda.
-Levanta – Nick disse se levantando também, ele deu a volta e colocou um cordão em Demi, o cordão tinha um pingente com o símbolo do infinito, atrás estava escrito “para sempre” e em um outro lado as iniciais N.J., Demi analisou cuidadosamente pingente – gostou? – ele perguntou voltando a ficar de frente pra ela.
-Eu AMEI – ela disse sorrindo – é lindo, Nick, é perfeito – ela pulou no colo dele – obrigada – ele sorriu abraçando-a.
-Vou sentir sua falta – ele disse lutando contra as lágrimas.
-Eu também vou morrer de saudades sua – ela disse voltando para o chão – pode chorar, Nick – eles riram – obrigada por tudo, eu te amo.
-Eu também te amo, pequena – Nick respondeu abraçando ela de novo.
-Bem, acho melhor a gente entrar, tá ficando tarde – Demi disse e Nick concordou, eles arrumaram mais ou menos as coisas e foram pra dentro.
-Demi – Denise a chamou assim que ela entrou com Nick, Joe estava ao lado da mãe com uma cara nada boa, Demi paralisou por um instante – Demi? – Denise chamou mais uma vez e Nick segurou a mão da amiga.
-O-o-oi – ela gaguejou um pouco desviando o olhar de Joe.
-Você vai na segunda? – Denise perguntou e Joe estremeceu.
-Sim – Demi respondeu baixo e Nick apertou sua mão – o contrato vai até a segunda – ela observou e respirou fundo – eu já estou com as passagens.
-Entendi – Denise lamentou – bom, hoje já é sexta, você se importa se fizermos um jantar amanhã pra você?
Sim, ela se importava, com certeza Joe estaria no jantar, mas ela não podia negar isso a Denise, Paul, Nick e muito menos a Frankie.
-Não, tudo bem – finalmente disse – se a Senhora não se importar, eu posso convidar a Miley?
-Tudo bem, querida, o jantar é pra você – Denise disse com um sorriso acolhedor, Demi sorriu em resposta.
-Demi, será que – Joe tentou falar.
-Se vocês não se incomodam eu vou dormir – Demi o interrompeu friamente, ignorando completamente Joe – boa noite – ela sorriu para Denise – obrigada, Nick, eu amei, estava tudo perfeito – ela depositou um beijo meigo no rosto de Nick e eles se abraçaram.
-Por nada – ele respondeu – fica bem, tá?! – ela sorriu fraco e saiu da sala.

Nenhum comentário:

Postar um comentário