sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Everything Has Changed - Capítulo 18


Capítulo 18

-Bom dia – Demi e Nick disseram juntos chegando na cozinha para o café da manhã.
-Bom dia – Denise respondeu.
-Cadê o Joe? – Paul perguntou.
-O Nick ficou de chamar – Fankie disse – Joe sempre dorme muito, ninguém consegue acorda-lo com facilidade.
-Eu esqueci desse detalhe – Nick sorriu – eu vou lá.
-Não, chamar o Joe leva tempo e eu preciso tratar algumas coisas do novo cd com você – Paul disse – Demi, você pode chamar o Joseph?
Demi ficou branca como uma folha de papel, Nick e Denise seguraram a risada.
-Cla-claro – ela não poderia negar, subiu as escadas respirando fundo, seu coração parecia que ia sair pela boca.
Demi bateu na porta várias vezes, e nada, se lembrou do que a família Jonas dissera, Joe tinha um sono muito pesado, então ela girou a maçaneta e entrou no quarto, tinha roupas espalhadas por todos os lados, um facho de luz atravessava uma fresta na janela e batia na cama, ele estava lá, todo esparramado, abraçado ao travesseiro, Demi prendeu a respiração por alguns segundos, ele era lindo, ele era perfeito pra ela, digamos que Joe não era a coisa mais fofa do mundo enquanto dormia, mas para Demi, parecia um anjo.
Demi resolveu se aproximar para chama-lo, ela deu dois passos e ele se mexeu e começou a chorar, sim, Joseph estava chorando, ele sussurrava coisas sem sentido, Demi não entendia nada, ele estava sofrendo, seu rosto tinha uma expressão triste, com o que será que ele estava sonhando? Demi se perguntou, precisava acorda-lo, para que ele não sofresse mais.
-Demi, não por favor, não vai – Joe disse baixo chorando mais, espera, ele estava sonhando com ela?
-Joe? – Demi perguntou chegando perto dele – acorda, eu to aqui.
-Demi, Demi, eu te amo, por favor, não me deixa aqui – ele quase gritava agora, se contorcia na cama e chorava mais.
-Joe – Demi disse um pouco mais alto, ela estava ficando preocupada – Joe, eu to aqui, calma.
-NÃO, DEMI, NÃO – Joe levantou num pulo ficando sentado na cama, sua respiração estava descontrolada, ele suava e lágrimas ainda escorriam pelo seu corpo, ele olhou em volta pra entender o que havia acontecido, antes que ele pudesse pensar, Demi o abraçou, como se sua vida dependesse daquilo, ele logo retribuiu e começou a chorar de novo.
-Shi – ela fez em uma tentativa de acalma-lo – eu to aqui, tá tudo bem.
-Foi horrível – Joe disse ainda chorando.
-Você quer me contar? – Demi perguntou.
-Não, não agora – ele encostou sua cabeça no ombro de Demi e ela começou a fazer carinho no cabelo dele – não quero te expulsar – Joe disse sorrindo – não mesmo – Demi sorriu com ele – mas, o que a senhorita faz aqui no meu quarto?
-Seu pai me deu a difícil missão de acordar a Bela Adormecida para o café – eles riram – vamos?
-Ah, Dems, tá tão bom aqui – Joe reclamou.
-Você quer que a sua mãe venha aqui e veja a gente assim? – Demi perguntou.
-Eu não me importo – Joe respondeu e sua barriga fez um barulho estranho – mas acho que o meu estomago se importa – eles riram – Demi, eu…
-Depois, Joe – Demi disse séria – vamos comer – eles sorriram e saíram do quarto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário